12 de jul de 2011


 Já está mais do que na hora de cometer alguns erros e correr alguns riscos. Está na hora de arriscar e ver o que acontece. Aquela vidinha chata onde tudo acontece sempre da mesma maneira, todos os dias, sem nenhuma novidade sequer, já está ficando insuportável - e impossível de viver. Agora eu quero arriscar e não ter medo de errar. Na verdade, eu quero errar. Quero ser imprudente e estúpida. Quero fazer fazer a coisa errada na hora errada. Eu quero arriscar. Quero aprender com os erros, mas mesmo assim também quero cometê-los duas vezes. Eu quero aprender, principalmente com você. Quero que as coisas aconteçam, não quero mais esperar que tudo venha até mim de mão beijada. Porque isso simplesmente não acontece. E então eu passei muito tempo sentada, esperando por algo que não ia acontecer, mas agora eu quero, posso e vou mudar isso. Eu vou correr atrás dos meus sonhos e desejos. Vou fazer o que eu quero virar realidade. Vou errar e não me arrepender disso. Porque, afinal de contas, eu não tenho nada a perder

Nenhum comentário:

Postar um comentário