12 de jul de 2011



A harmonia secreta da desarmonia. Quero não o que está feito, mas o que tortuosamente ainda se faz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário