21 de jun de 2011

Somos o que repetidamente fazemos. A excelência, portanto, não é um efeito, mas um hábito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário